terça-feira, 29 de dezembro de 2009

Você

E desde então sou, porque tu és...
E desde então és, sou e somos...
E por amor, serei... serás... seremos...

Pablo Neruda

quarta-feira, 23 de dezembro de 2009

Como ficamos

"Al perderte yo a ti, tu y Yo hemos perdido
Yo porque tu eras lo que Yo más amaba
Y tu porque Yo era el que te amaba más
Pero de nosotros dos tu pierdes más que Yo
Porque Yo podré amar a otras como te amaba a ti
Pero a ti no te amaran como te he amado Yo"

Ernesto Gardenal


Prá quem não entendeu, segue a tradução:

"Ao perder a ti, tu e eu perdemos.
Eu, porque tu eras o que eu mais amava.
E tu, porque eu era o que te amava mais.

Contudo, de nós dois, tu perdeste mais do que eu.
Porque eu poderia amar outra como amava a ti,
Mas a ti não te amarão como te amava eu."

Ernesto Gardenal

A você, Elisa, o meu agradecimento pelo presente....e pelo futuro também...

quarta-feira, 9 de dezembro de 2009

Tudo certo, agora!!!

"É,
Só eu sei
Quanto amor
Eu guardei
Sem saber
Que era só
Pra você.

É,
Só tinha de ser com você,
Havia de ser pra você,
Senão era mais uma dor,
Senão não seria o amor..."

Tom Jobim

segunda-feira, 7 de dezembro de 2009

À Mesa

"Na hora de pôr a mesa, éramos cinco:
o meu pai, a minha mãe, as minhas irmãs e eu.

Depois, a minha irmã mais velha casou-se.
Depois, a minha irmã mais nova casou-se.
Depois, o meu pai morreu.

Hoje, na hora de pôr a mesa, somos cinco,
menos a minha irmã mais velha que está na casa dela,
menos a minha irmã mais nova que está na casa dela,
menos o meu pai,
menos a minha mãe viúva.

Cada um deles é um lugar vazio nesta mesa onde como sozinho.

Mas irão estar sempre aqui.
Na hora de pôr a mesa, seremos sempre cinco.

Enquanto um de nós estiver vivo,
seremos sempre cinco"

José Luis Peixoto

sábado, 5 de dezembro de 2009

Da função do Servir

SERVIR parece, mas não é fácil.
E por parecer fácil, acaba por arregimentar um monte de gente despreparada para o mister.

Primeiro, SERVIR pressupõe COMPREENDER.
Compreender, do latim comprehendere, que significa conter em si, perceber ou alcançar as intenções ou o sentido de; entender (alguém), aceitando como é.

Eu só posso SERVIR a uma causa se a compreendo perfeitamente.
E compreender não quer dizer apenas entender. É entender, aceitando como é.

Muita coisa eu entendo, mas não aceito ou não concordo.

Compreender significa COMPRAR A IDÉIA, torná-la minha, aceitar e me engajar de corpo e alma.

Quando digo para você "Eu entendo", não estou me colocando a seu favor, muito menos concordando com você.

Quando digo "eu compreendo", eu entendo , aceito e concordo. Eu me entrego à causa, tornando essa verdade a MINHA verdade.

Então, para SERVIR não basta ENTENDER. É preciso COMPREENDER.

E para verdadeiramente compreender eu preciso sair de mim e ir até o outro. Me colocar na posição dele, buscar seu ponto de vista, seus valores, suas dores, sua perspectiva. Buscar seus argumentos, e verdadeiramente me colocar à ouvir.

Pedir ajuda para compreender denota humildade, outra grande parceira do SERVIR.
Não se imaginar auto-suficiente mas, antes disso, saber-se incompleto e falho nos julgamentos.

HUMILDADE E COMPREENSÃO. Dois grandes vetores do SERVIR, muitas das vezes negligenciados.

É por isso que muitos CLUBES DE SERVIÇO falham.
Por que parte de seus membros até querem SERVIR, mas ainda não têm a verdadeira dimensão desse ato.
 
BlogBlogs.Com.Br